Citação e notificação dos actos

Malta

Conteúdo fornecido por
Malta

BUSCAR TRIBUNAIS COMPETENTES

O motor de pesquisa abaixo permite procurar tribunais e autoridades competentes para um instrumento jurídico europeu específico. Nota: nalguns casos excecionais, a competência não pode ser determinada.

Malta

Notificação e citação de documentos


*campo obrigatório

Artigo 2.º, n.º 1 - Entidades de origem

O texto desta página na língua original maltês foi recentemente alterado. A tradução deste texto para português está em curso.
Traduções já disponíveis nas seguintes línguas.

Office of the State Advocate [Procuradoria-Geral]

Morada: Mainguard Building, St George’s Square, Valeta

Código postal: VLT1190

Telefone: (+356) 2568 3105

Fax: (+356) 2123 7281

Artigo 2.º, n.º 2 - Entidades requeridas

O texto desta página na língua original maltês foi recentemente alterado. A tradução deste texto para português está em curso.
Traduções já disponíveis nas seguintes línguas.

Office of the State Advocate [Procuradoria-Geral]

Morada: Mainguard Building, St George’s Square, Valeta

Código postal: VLT1190

Telefone: (356) 2568 3105

Fax: (+356) 2123 7281

Artigo 2.º, n.º 4, alínea c) - Meios de receção de documentos

Meios de receção disponíveis: os documentos originais, juntamente com o anexo 1 do Regulamento (CE) n.º 1393/2007 e o recibo do banco devem ser enviados por via postal. As cópias podem ser enviadas previamente por fax e/ou correio eletrónico.

Artigo 2.º, n.º 4, alínea d) - Línguas que podem ser utilizadas no preenchimento do formulário constante do anexo I

Línguas que podem ser utilizadas no preenchimento do formulário normalizado: inglês e maltês.

Artigo 3.º - Entidade central

O texto desta página na língua original maltês foi recentemente alterado. A tradução deste texto para português está em curso.
Traduções já disponíveis nas seguintes línguas.

Office of the State Advocate [Procuradoria-Geral]

Mainguard Building

St. George’s Square

Valeta VLT1190

Telefone: (+356) 2568 3105

Fax: (+356) 21237 7281

Áreas de competência territorial: Malta e Gozo

Meios de receção/comunicação e competências linguísticas: inglês

Artigo 4.º - Transmissão de actos

Inglês

Artigos 8.º, n.º 3, e 9.º, n.º 2 - Prazos de citação ou notificação de documentos fixados pela lei nacional

Malta pretende estabelecer uma derrogação ao artigo 9.º, n.º 2, na medida em que esta disposição não é conforme com o seu direito processual nacional.

Artigo 10.º - Certidão e cópia do acto citado ou notificado

Inglês

Artigo 11.º - Custas da citação ou notificação

O texto desta página na língua original maltês foi recentemente alterado. A tradução deste texto para português está em curso.
Traduções já disponíveis nas seguintes línguas.

As custas previstas no artigo 11.º, n.º 2, do Regulamento consistem numa taxa fixa de 50 EUR por cada documento a notificar.

A taxa deve ser paga antes de se proceder à citação. Se o pedido de notificação não for acompanhado por um recibo bancário que comprove a realização do pagamento, os documentos serão devolvidos sem que se proceda à citação. O pagamento da taxa deve ser efetuado por transferência bancária para a pessoa a quem o montante em causa deva ser devolvido sem tramitação. O pagamento das taxas deve ser efetuado por transferência bancária à ordem da Procuradoria-Geral para a seguinte conta bancária:

Instituição bancária: Bank Ċentrali ta’ Malta

Designação da conta: AG Office – Receipt of Service Documents

Número de conta: 40127EUR-CMG5-000-Y

IBAN: MT24MALT011000040127EURCMG5000Y

Código Swift: MALTMTMT

Artigo 13.º - Citação ou notificação por agentes diplomáticos ou consulares

Malta opõe-se à utilização da faculdade prevista no artigo 13º.

Artigo 15.º - Citação ou notificação directa

Malta não se opõe à possibilidade de citação ou de notificação direta prevista no artigo 15º.

Artigo 19.º - Não comparência do demandado

Não é possível na medida em que é necessário o comprovativo da citação ou notificação. Contudo, se for proferida uma sentença em relação a uma pessoa que não tenha sido prévia e devidamente citada ou notificada, esta pode, no prazo de três meses após a mesma ter sido proferida, requerer a reapreciação da causa.

Artigo 20.º - Acordos ou convénios em que são partes Estados-Membros e que respeitam o disposto no artigo 20.º, n.º 2

Não existe qualquer acordo ou convénio desse tipo.

Última atualização: 06/10/2020

As diferentes versões linguísticas desta página são da responsabilidade dos respetivos Estados-Membros. As traduções da versão original são efetuadas pelos serviços da Comissão Europeia. A entidade nacional competente pode, no entanto, ter introduzido alterações no original que ainda não figurem nas respetivas traduções. A Comissão Europeia declina toda e qualquer responsabilidade quanto às informações ou aos dados contidos ou referidos neste documento. Por favor, leia o aviso legal para verificar os direitos de autor em vigor no Estado-Membro responsável por esta página.